Com a queda dos juros, saiba o que fazer

Monumento Agora de Magdalena Abakanowicz no Grand Park em Chicago. Michael Viriato.

Após três anos, desde o ponto máximo de 14,25% ao ano e dezesseis reduções, o Comitê de Política Monetária (COPOM) derrubou esta semana a taxa básica de juros Selic para seu mínimo histórico de 5% ao ano. Entretanto, pela expectativa do mercado ainda não será o último movimento. Em dezembro, esta taxa deve atingir 4,5% ao ano. Isso […]

Leia Mais

Seu portfólio de investimentos precisa desse ativo antifrágil

Maria Kattar, Head de Produtos Estruturados da XP Investimentos, a frente e sua equipe. João Simões, Head Sales de COE na terceira posição a direita. Michael Viriato ao centro.

Foi criticando a capacidade preditiva do mercado financeiro em eventos não esperados que o matemático libanês Nassim Nicholas Taleb ganhou notoriedade com seu livro A Lógica do Cisne Negro. Em 2012, ele lançou uma nova visão sobre como um portfólio ou ativo vencedor deveria se comportar, ele deveria ser antifrágil. Um veículo financeiro, acessível ao […]

Leia Mais

Saiba como investir internacionalmente e com proteção

Painel da Nasdaq na Times Square em Nova Iorque – Michael Viriato

A queda da taxa básica de juros, os receios sobre a evolução da economia e a volatilidade do câmbio, devido às incertezas pela eleição presidencial, despertaram o interesse de brasileiros pela diversificação internacional. No entanto, muitas instituições exigem um mínimo para investimento no exterior, que só se torna vantajoso para valores acima de US$ 50 […]

Leia Mais

Gestor afirma que ações devem subir: saiba como ganhar com isso

Se você acha que a bolsa subiu muito nos últimos dois anos, vai se surpreender com o desempenho do fundo do qual Gustavo Vechiato Maziero faz parte da equipe de gestão. O fundo sob gestão da equipe da Neo Investimentos, conjuntamente com Maziero, se valorizou mais do que o dobro do Ibovespa nos últimos dois […]

Leia Mais

Em ano eleitoral, vale a pena comprar bolsa?

Existem diversos fatores ocorrendo conjuntamente que conspiram a favor do investimento de maior risco no Brasil. As taxas de juros estão em seu mínimo histórico, a inflação está controlada, o crescimento econômico nacional começa a retomar e as expectativas são que de que o PIB se eleve mais de 2,5% em 2018, os índices de […]

Leia Mais