Tesouro Direto: por que a maioria está resgatando e o que você deveria fazer?

Zé Vicente

Segundo dados do Tesouro Nacional, desde agosto de 2017 os investidores têm mais resgatado do que aplicado em títulos na plataforma Tesouro Direto. Três razões explicam esse movimento dos investidores. Entretanto, o que parece ser algo ruim, na verdade é uma oportunidade que está sendo desperdiçada. Conforme pode ser visto no gráfico abaixo, depois de […]

Leia Mais

Veja se seu prejuízo recente no Tesouro Direto é preocupante

Comugnero Silvana/ Fotolia

Nos últimos dois dias úteis (17 e 18 de maio) o site da plataforma do Tesouro Direto suspendeu as operações devido à intensa volatilidade do mercado. A variação nos preços dos títulos, chamada de volatilidade, já estava maior no último mês, mas se intensificou após a surpresa na decisão do COPOM (Comitê de Política Monetária) […]

Leia Mais

Com a queda da taxa Selic, saiba qual seu maior risco

Enquanto muitos investidores ainda estão confusos sobre porque seus investimentos não rendem como no passado e o que podem fazer para ganhar mais, o Banco Central reduziu mais uma vez os juros e deixou claro que esses investidores precisam correr para rever seus investimentos, pois novas quedas ainda podem vir. A taxa Selic caiu para […]

Leia Mais

Como a queda da Selic afeta sua aposentadoria?

O Comitê de Política Monetária (COPOM) reduziu mais uma vez a taxa básica de juros Selic para seu mínimo histórico de 6,75% ao ano. O patamar atual dessa taxa terá impacto relevante na aposentadoria dos brasileiros. Esse impacto é ainda mais relevante, pois a maior parte dos investidores aplica suas economias de forma conservadora, tanto […]

Leia Mais

Marcação de títulos a mercado ou na curva; como isso afeta seu portfólio?

Investidores que possuíam títulos referenciados a IPCA marcados na curva, observaram em 2017, um retorno pior que aqueles marcados a mercado. Esse fato, faz com que se imagine que a marcação a mercado dos títulos sempre produza uma rentabilidade maior. Entretanto, a vantagem no curto prazo que a marcação a mercado teve foi apenas uma […]

Leia Mais

O FGC pode mudar, mas isso é bom para o pequeno investidor

Os depósitos à vista e outros produtos bancários como poupança, CDB, LCA, LCI, LH, LC e LI possuem garantia do Fundo Garantidor de Crédito (FGC). Essa garantia é limitada a R$250 mil por emissor e por CPF. Mas ela não tem um limite geral, ou seja, não existe um limite para a soma de todos […]

Leia Mais

O que fazer com a queda da taxa Selic?

O Comitê de Política Monetária (COPOM) reduziu ontem a taxa básica de juros Selic para seu mínimo histórico de 7% ao ano. Entretanto, ainda não estamos com os juros reais (juros acima da inflação) na mínima histórica. Portanto, novas quedas ainda são possíveis. Nesse sentido, descrevo abaixo algumas dicas sobre o que fazer com seus […]

Leia Mais

Os melhores e piores investimentos de novembro

O mercado brasileiro perdeu a chance de surfar o bom humor internacional. Apesar da forte alta dos principais índices de bolsa pelo mundo, as incertezas provocadas pelo atraso na votação das reformas fez com que os mercados de risco no Brasil apresentassem um dos piores meses do ano. A queda da bolsa brasileira em novembro […]

Leia Mais